Pode mexer no celular quando está trovejando?

Pode mexer no celular quando está trovejando?

Desde a popularização dos aparelhos celulares, muitos mitos foram criados em torno dos dispositivos. E grande parte deles diz respeito ao uso de smartphones em meio a tempestades e chuvas, o que, segundo essas histórias, pode acarretar em danos severos e até mesmo te deixar mais exposto a raios.

Entretanto, grande parte dessas histórias não passam de lendas, sendo cientificamente comprovadas de que são falsas. Mas, mesmo assim, é preciso tomar certos cuidados para não danificar o aparelho e até mesmo não se machucar diante de alguns pequenos acidentes.

Para tirar suas dúvidas, hoje o TecMundo responde às principais perguntas em torno da questão: é seguro usar o celular quando há chuvas e tempestades? Confira!

Celular atrai raio?

Não se preocupe, pois os celulares não atraem raios. Esse é um dos maiores mitos da tecnologia, muito por conta das inúmeras conexões que um smartphone possui, seja com a própria rede do celular, como também com Wi-fi para conexões à internet, ou até mesmo a bluetooth para dispositivos mais próximos.

Usar o celular durante uma tempestade não faz com que você fique mais exposto a raios. (Imagem: Getty Images)Usar o celular durante uma tempestade não faz com que você fique mais exposto a raios. (Imagem: Getty Images)Fonte:  GettyImages 

Mesmo assim, isso não aumenta as chances de você ser atingido por um raio caso esteja com o aparelho nas mãos. O grande problema são as consequências de ser atingido enquanto manuseia o aparelho, o que pode acarretar na explosão do smartphones e lhe causar uma série de queimaduras mais graves. Mas vale lembrar que isso também pode acontecer com qualquer aparelho eletrônico no momento de uma descarga elétrica por raios.

Quais os riscos de utilizar o celular em períodos de tempestade?

Não há qualquer risco de usar o celular durante os períodos de tempestade. Isso porque, como dito anteriormente, não faz com que você esteja mais propício a ser atingido por um raio. Além disso, não há também nenhum outro tipo de interferência que o seu aparelho possa produzir e consequentemente lhe causar algo.

O celular em contato com a chuva pode sofrer danos irreparáveis por conta da água em componentes internos. (Imagem: Getty Images)O celular em contato com a chuva pode sofrer danos irreparáveis por conta da água em componentes internos. (Imagem: Getty Images)Fonte:  GettyImages 

Entretanto, é preciso ficar atento a pequenos cuidados, principalmente se a tempestade trouxer chuvas muito fortes. Nesses casos, ficar com o celular exposto pode fazer com que o dispositivo entre em contato com a água e por sua vez danificar algum componente interno. O mesmo vale para deixá-lo em bolsos ou compartimentos não tão fechados e expostos a um grande volume de água.

Pode deixar o celular carregando se estiver chovendo?

A resposta para essa pergunta varia de acordo com a chuva. Caso ela seja em volumes menores, a famosa garoa, não há qualquer problema em deixar o aparelho carregando. Entretanto, em casos de tempestades, com muitos raios e ventos fortes, é recomendado que você evite deixar o aparelho conectado na tomada recarregando.

Carregar o aparelho celular durante tempestades pode ser fatal em caso de descargas elétricas na rede. (Imagem: Getty Images)Carregar o aparelho celular durante tempestades pode ser fatal em caso de descargas elétricas na rede. (Imagem: Getty Images)Fonte:  GettyImages 

O motivo é que, quando ele está carregando na tomada, ele está em contato direto com a rede elétrica. E caso ela sofra algum acidente, como ser atingida por um raio ou por ventos fortes, pode acarretar em uma uma descarga de energia e consequentemente o aparelho pode sofrer danos irreparáveis, assim como qualquer outro aparelho que também esteja ligado na tomada.

É perigoso usar eletrônicos quando chove?

Como dito anteriormente, aparelhos conectados à rede elétrica durante tempestades ou chuvas mais fortes, podem ser atingidos por descargas de energia. Entretanto, não há nenhum risco caso eles não estejam na tomada. 

A rede elétrica pode sofrer descargas de energias durante chuvas fortes ou tempestades. (Imagem: Getty Images)A rede elétrica pode sofrer descargas de energias durante chuvas fortes ou tempestades. (Imagem: Getty Images)Fonte:  GettyImages 

Em alguns casos mais específicos, o que pode acontecer também é uma oscilação em redes sem fio, como as de telefonia ou de internet. Sendo assim, caso você esteja trabalhando conectado, fique atento para não sofrer com problemas de desconexão por conta de chuvas ou tempestades. 

Como proteger aparelhos eletrônicos de descargas elétricas?

Para proteger seus aparelhos de eventuais descargas elétricas, há uma série de dispositivos que podem ser utilizados para a função. O mais barato deles é o Dispositivo de Proteção de Surtos (DPS). Ele é usado em tomadas, como primeiro contato, para proteger outros eletrônicos ligados à ela, desviando eventuais surtos de tensão.

O DPS possui uma faixa de preço que varia de R$ 30 a R$ 80 reais dependendo do modelo. (Imagem: Reprodução/Amazon)O DPS possui uma faixa de preço que varia de R$ 30 a R$ 80 reais dependendo do modelo. (Imagem: Reprodução/Amazon)Fonte:  Amazon 

Outro método muito comum, e também barato, é o filtro de linha. Ele funciona como uma espécie de régua, onde é possível conectar mais de três aparelhos ao mesmo tempo. A diferença é que ele conta com um fusível interno, que queima em caso de altas correntes elétricas, evitando que elas cheguem aos dispositivos ligados. Ele possui uma faixa de preço que varia de R$ 25 a R$ 120 dependendo da quantidade de conexões e modelo.

O filtro de linha é uma opção barata e segura contra descargas elétricas. (Imagem: Reprodução/Amazon)O filtro de linha é uma opção barata e segura contra descargas elétricas. (Imagem: Reprodução/Amazon)Fonte:  Amazon 

Já a outra opção é investir em um Nobreak. Para quem não sabe, ele possui uma função dupla, onde além de proteger eletrônicos de eventuais descargas elétricas, também mantém os mesmos ligados, em um curto período de tempo, caso ocorra uma falta de energia, como se fossem pequenos geradores.

O Nobreak pode ser uma alternativa para quem quer se proteger e ter uma sobrevida em quedas de energia. (Imagem: Reprodução/Kalunga)O Nobreak pode ser uma alternativa para quem quer se proteger e ter uma sobrevida em quedas de energia. (Imagem: Reprodução/Kalunga)Fonte:  Kalunga 

Entretanto, a sua faixa de preço já é mais elevada e varia entre R$ 300 para modelos bem simples, cuja carga de energia dura poucos minutos, até cerca de R$ 7.000 para outros mais consistentes. Porém, eles são mais utilizados para o uso comercial do que para utilização em residências.

Agora que você já sabe como agir em caso de chuvas fortes ou tempestades, não precisa mais se preocupar em perder um aparelho, basta tomar os cuidados necessários.

E você, ficou com alguma dúvida? Conte para a gente em nosso Twitter, Facebook, Instagram e TikTok!


source

@nvgazeta.com

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

plugins premium WordPress